DISTRAÇÕES_i_IMAGENS

...um olhar sobre... as minhas IMAGENS preferidas e algumas DISTRAÇÕES ...
"A fotografia é a poesia da imobilidade: é através da fotografia que os instantes deixam-se ver tal como são." (Peter Urmenyi)
"A dignidade pessoal e a honra não podem ser protegidas por outros. Devem ser zeladas pelo indivíduo em particular" (Mahatma Gandhi)
"Para viajar, basta existir. " ( Fernando Pessoa )

quarta-feira, dezembro 29, 2010

... um problema dos outros ... ou um problema nosso ... (?) (Cap. I)

Em primeiro lugar, o que tenho para dizer é muito, por isso vou fazer isto em dois capítulos...
Aqui fica o primeiro ....

Capítulo I

Sinceramente, não sei onde li um artigo sobre um assunto que me levou a escrever sobre a questão levantada em título... Mas sei que estava acompanhada com duas ou três fotografias alusivas ao tema.
Penso que terá sido num Blog... Sinceramente não me "alembra"...

Mas a questão tinha a ver com o que estava representado nas duas imagens: dois ou três sacos de "lixo" que se encontravam colocados ou ao pé de árvores num local de passagem, bem como num passeio, logicamente local de passagem, e em jeito de texto / comentário, pelo menos a mim deu-me a sensação que os mesmos estariam nestes locais erradamente colocados, e que os serviços da câmara, mais um vez demonstrando a sua incompetência, não tinha procedido à recolha dos mesmos. A câmara não cuida do ambiente nem tem cuidado com os seus munícipes...

Bem, eu por acaso até exerço a minha "curta" actividade profissional nesta área...
Não percebo nada disto, mas tenho sérias dúvidas sobre este tipo de análise, perdoem-me o desplante, mas... (?) Não, não sou funcionário de uma autarquia, nem tão pouco de um organismo público.
Mas se há assunto, com o qual me defronto no meu dia-a-dia, este é um deles. Todos os dias vejo, controlo, coordeno, decido, discuto, falo para as paredes às vezes, eu sei lá mais o quê.... serviços e pessoas que lutam também todos os dias para ter uma parte deste país, um cantinho, mais limpo, livre de "lixo" (o termo técnico é Resíduos), coisa que se tem revelado uma batalha quase que inglória.
O que vale é que esta gente que "luta" todos os dias, mantém a "teimosia" e a perseverança ...


Tenho percorrido alguns países deste nosso planeta, poucos, mas que já me permitem fazer uma análise mais ou menos fundamentada sobre esta e outras questões (perdoem-me mais uma vez a falta de modéstia), mas quando vamos de visita e depois voltamos, facilmente, sobre este tipo de assuntos, dizemos e/ou ouvimos dizer :
- Eh, pá... Não se vê um papel no chão... Estava impecável... Olha que um gajo até tem vergonha de deitar uma beata para o chão.

E não têm mesmo coragem de o fazer, porque se o fizerem, há logo uma "recriminação" social, isto é, existem logo uns pares de olhos que nos fitam como se fossem "balas", e o "gajo" fica com tanta vergonha que não sabe onde se meter. Também facilmente é chamado à atenção por um qualquer "passeante", que por acaso, pode chamar esse mesmo "gajo" de porco e javardo.... Lembram-se da actriz brasileira na fonte junto aos Jerónimos ???
Lembram-se como nós portugueses, ficámos chocados com o que vimos ?
Só porque era uma pessoa de fora ?
(...)

(... continua no próximo post ... )
(Imagens retiradas da Internet )

Sem comentários:

Enviar um comentário